Prefeitura de Jequié participa da Campanha Nacional de Multivacinação para crianças e adolescentes

Seguindo as orientações do Ministério da Saúde e acompanhando a mobilização nacional, no período de 1 a 29 de outubro, a Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Saúde, estará participando da Campanha Nacional de Multivacinação para crianças e adolescentes. Dentro desse cronograma, haverá a atualização da caderneta de vacinação das crianças e adolescentes menores de até 15 anos de idade, residentes na sede do município e na zona rural.

Entre as vacinas ofertadas durante a Campanha Nacional de Multivacinação estão: Hepatite A e B, Pentavalente (Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B e Meningite e infecções por HiB) , Vacina Oral Poliomielite (VOP) e Vacina Inativada Poliomielite (VIP), Vacina Oral do Rotavírus Humano, Pneumocócica 10 valente, Febre Amarela, Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba e Rubéola), Tríplice Bacteriana (DTP), dT (difteria e tétano), Tetraviral (Sarampo, caxumba, rubéola e varicela), Meningocócica C e HPV.

A vacinação, que estará sendo disponibilizada em todas as unidades de saúde, tem por objetivo atualizar o esquema vacinal, aumentar as coberturas vacinais de crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade, colocando em dia a lista das vacinas inativadas do Calendário de Vacinação. De acordo com a Secretaria de Saúde, no sábado, dia 16, será realizado o Dia D de vacinação e ressalta que as crianças e adolescentes, menores de 15 anos, devem estar acompanhadas de um adulto responsável, portando documentos pessoais, cartão do SUS, se possuir, e caderneta de vacinação.

“A iniciativa tem como propósito oportunizar o acesso às vacinas que fazem parte do calendário vacinal, atualizando a imunização, além de controlar, eliminar e erradicar as doenças imunopreveníveis nas crianças de zero e adolescentes menores de 15 anos de idade. Iremos até o dia 29 de outubro, estamos organizando um dia D de multivacinação para mobilizar o público-alvo, e todas as vacinas do calendário de vacinação estarão disponíveis nas unidades de saúde, como por exemplo, contra Hepatite B, HPV, Meningite, Tétano, Sarampo, Rubéola, Poliomielite, Febre Amarela, entre outras doenças.”, disse a secretária de Saúde, Polliana Leandro.

Previous Article
Next Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Boletim Epidemiológico

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade:

Publicidade: